Brumadinho/Brasil. Roteiro de 1 dia. O que fazer?

Onde ficar?

Como dica, achamos que não vale à pena ficar em Brumadinho, pois Inhotim fica bem perto de Belo Horizonte. Dá para aproveitar o dia em Inhotim e curtir a noite de BH. Como moramos aqui, é raro ficarmos em hotéis, mas quando ficamos geralmente ficamos no Mercure Lourdes, até porque somos Categoria Ouro no Accor Le Club e temos direito a algumas regalias.

Caso ainda esteja procurando por hospedagem para sua viagem, separamos alguns hotéis com ótimas avaliações para você conferir no Booking.com: 3* Ramada Encore by Wyndham / 4* E-Suites Savassi Toscanini / 5* Hotel Fasano Belo Horizonte / Outras Opções.

Dicas de Brumadinho

  • Já comprou sua passagem? Se não, confira os preços através do JetRadar, que pesquisa o melhor preço em dezenas de sites.

O que fazer em Brumadinho?

  • Dia 1 (Inhotim – Jantar no Vecchio Sogno)

Brumadinho (2017)

Dia 1 – Inhotim – Jantar no Vecchio Sogno

Saímos bem cedo de Belo Horizonte e chegamos a Inhotim por volta das 9:30, pois não queríamos pegar o museu lotado. O parque funciona de 9:30 às 16:30 de Terça a Sexta e de 9:30 às 17:30 nos Sábados, Domingos e Feriados. A viagem dura em torno de 1 hora e meia de Belo Horizonte. Como moramos aqui, fomos de carro, até pela comodidade. Entretanto, Inhotim proporciona transporte pago de alguns lugares de Belo Horizonte através de Vans.

Os ingressos custam R$40,00, mas nas Quartas-Feiras a entrada é gratuita (exceto feriados).

O parque é gigante, com cerca de 140 hectares. Por isso, vá preparado para andar. Caso tenha problema em relação a isso, Inhotim oferece transporte através de carrinhos elétricos dentro do parque, mas novamente existe um custo para alugar.

Quando bater aquela fome, o Museu abriga 2 ótimos restaurantes, 1 com serviço de Buffet livre (Restaurante Tamboril) e outro com serviço a quilo (Restaurante Oiticica). O Museu também abriga uma lojinha com várias lembranças de Inhotim.

Inhotim proporciona uma agenda cultural bem ativa e diversificada. Por isso, não deixe de conferir no site a programação no dia da sua visita. De vez em quando tem até shows de artistas famosos dentro do museu.

Como era dia de comemoração jantamos no Vecchio Sogno (vecchiosogno), do chef Ivo Faria. Caro, mas espetacular. Entretanto o que não falta são ótimas opções de restaurantes como o Gluton, o Taste Vin, o Kei, entre tantos outros.

Tagged , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *