Santiago/Chile: Roteiro de 2 dias. O que fazer?

Onde ficar?

Ficamos no Mercure, literalmente em frente ao Cerro Santa Lucia, um dos principais pontos turísticos de Santiago. Hotel padrão Mercure. Não é nenhum 5 estrelas mas é muito bom em qualquer lugar do mundo.  Pela tarifa e localização achamos que valeu bem a pena. 

Caso ainda esteja procurando por hospedagem para sua viagem, separamos alguns hotéis com ótimas avaliações para você conferir no Booking.com: 3* Best Western Estacion Central / 4* Hotel Los Españoles Plus / 5* The Ritz-Carlton / Outras Opções.

Dicas de Santiago

  • Já comprou sua passagem? Se não, confira os preços através do JetRadar, que pesquisa o melhor preço em dezenas de sites.
  • Não deixe de conhecer o Mercado Central.
  • Como sempre sugerimos no blog, nunca deixe para comprar ingressos no momento, evitando assim filas e perda de tempo. O blog, em parceria com a empresa Get Your Guide, disponibiliza a opção de compra antecipada de vários ingressos e excursões. Confira alguns exemplos: Excursão de 1 Dia a Valparaíso e Viña del Mar / Concha y Toro: Tour Oficial / Excursão Cajón del Maipo.

Roteiro da Viagem

  • 5 dias em Buenos Aires
  • 2 dias em Mendoza
  • 2 dias em Santiago

O que fazer em Santiago?

  • Dia 1 (Cerro Santa Lucia – Cerro San Cristóbal – Jantar no Ichiban)
  • Dia 2 (Palácio La Moneda – Museo Chileno de Arte Precolombino – Plaza de Armas – Catedral – Museo Histórico Nacional – Almoço Mercado Central – Jantar no Restaurante Giratório)

Santiago (2010)

Dia 1 – Cerro Santa Lucia – Cerro San Cristóbal – Jantar no Ichiban

Começamos nossa viagem pelo Cerro Santa Lucia, já que era situado do outro lado da rua do Hotel. Bem legal o Cerro. Vá de tênis, pois as subidas são íngremes e tem muita escada para chegar ao topo, mas com certeza vale a pena.

Próxima parada foi o principal ponto turístico de Santiago, o Cerro San Cristóbal.  O Cerro é o segundo lugar mais alto de Santiago, localizado a 880 metros de altura. Para subir ao topo você pode pegar o funicular ou ir andando pelas trilhas. O Cerro San Cristóbal abriga muitas atrações, entre elas o Zoológico Nacional do Chile e a imagem da Virgen de la Inmaculada Concepción, em homenagem a celebração da missa feita pelo Papa João Paulo II quando esteve na cidade nos anos 80. Entretanto, nada se compara a vista do alto do Cerro. Sensacional.

A noite fomos jantar no restaurante japonês Ichiban. Comida muito boa. Se você gosta de comida japonesa essa é um ótima opção.

Dia 2 – Palácio La Moneda – Museo Chileno de Arte Precolombino – Plaza de Armas – Catedral – Museo Histórico Nacional – Almoço Mercado Central – Jantar no Restaurante Giratório

Começamos o dia pelo Palácio La Moneda. Só visitamos pelo lado de fora, mas existem visitas guiadas pelo Palácio caso tenham interesse.

De lá fomos para Museo Chileno de Arte Precolombino, na direção da Plaza de Armas. O Museo não é tão grande mas é bem legal, vale a pena a visita.Ao sair do Museo você já está praticamente na Plaza de Armas. Ao redor da Plaza visitamos a Catedral e o Museo Histórico Nacional.

A seguir fomos direto conhecer o Mercado Central. Imperdível para qualquer amante de boa gastronomia. Dentro do Mercado existem várias opções de restaurantes, principalmente de frutos-do-mar. Almoçamos pelo Mercado mesmo.

Voltamos andando para o hotel, conhecendo um pouco do centro de Santiago.

A noite saímos para jantar no Restaurante Giratório. A vista do lugar é espetacular, mas não gostamos muito da comida (bem normal, nada demais), principalmente porque o preço não é tão em conta. Existem muitas opções melhores que aqui, vá pela vista; só isso.

Tagged ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *